Pague com o Google


A partir de segunda-feira (23 de outubro), uma nova solução da Google está chegou para permitir que os consumidores tenham mais facilidade na hora de pagar suas compras online.

O funcionamento é simples: basta entrar em um site ou app compatível, tocar no botão “Pagar com Google” e autorizar a transação.



Alguns dos parceiros aqui no Brasil são: Peixe Urbano, iFood, Hotel Urbano e Magazine Luiza; além de já haver a informação de que Groupon, Netshoes e vários outros estão para receber a novidade em breve.

Se você é desenvolvedor, pode implementar a API com apenas algumas linhas de código, e é grátis — não cobramos taxas de transação, conforme explicação da  empresa.

Turma Nova: Web Design

Começou no dia 02/10/2017 mais uma turma de Web Design do SENAC ITU, com o objetivo de formar profissionais com competências para atuar e intervir em seu campo de trabalho.


O web designer trata do projeto visual e funcional de um site, considerando como referência as necessidades do cliente e o público-alvo a ser atingido, utilizando técnicas de planejamento, composição visual e criatividade. As estratégias adotadas por esse profissional têm o intuito de atrair a atenção do usuário, valorizar o produto exposto e facilitar a utilização do sistema.

Parabéns pessoal, tenham um ótimo curso, acredito que nossos encontros serão impressionantes.


Android: AndroidManifest

Sempre que criamos nossas Activities é preciso declarar elas no arquivo de manifesto chamado AndroidManifest para torná-la acessível pelo sistema operacional Android. Esse arquivo é responsável por administrar as Activities e informar ao sistema operacinal que elas existem e como elas podem ser utilizadas.



Declarando Activities


<manifest>
   <application>
      <activity android:name=".MainActivity" />
   </application>

</manifest >

Basicamente declaramos apontando para nossa classe. Existem outros atributos que podem ser utilizados como o titulo da Activity, um ícone ou um tema. O atributo android:name é o único obrigatório, ele especifica o nome de classe. 

A tag intent-filter define algumas características da nossa Activity, como por exemplo, o tipo de ação e categoria que ela pertence como por exemplo uma Activity principal que é executada toda vez que o aplicativo é iniciado. 

<activity android:name=".MainActivity" android:icon="@drawable/app_icon">
   <intent-filter>
      <action android:name="android.intent.action.MAIN" />
      <category android:name="android.intent.category.LAUNCHER" />
   </intent-filter>
</activity>

Aqui nós informamos que este é o "principal" ponto de entrada do aplicativo utilizando action. E quando usamos category especificamos que essa Actvity deve aparecer no menu do sistema. Só uma Activity deve ter a ação "main" e a categoria "launcher".

Deseja saber mais sobre Activities acesse todo material sobre Android aqui no blog.

Até a próxima!

Android: Stack

O que é Android Stack?

Para cada aplicativo que está sendo executado em um dispositivo Android, o sistema mantém uma Pilha de Activities (Android Stack). Quando uma aplicação é iniciada, a primeira Activity do aplicativo é colocada na pilha.

Quando uma segunda Activity é iniciada, ela é colocada no topo da pilha ficando ativa (em execução) e a anterior é empurrada para baixo. Quando a Activity ativa sai, ela é retirada da pilha e anterior localizada imediatamente abaixo dela na pilha se torna ativa.

O usuário pode ter apertado um botão "Voltar" para voltar a tela anterior, fazendo com que a Activity atual seja retirada da pilha pelo sistema sendo destruida.



Como mostrado na figura acima, as novas Activities são empurradas para o topo da pilha quando elas são iniciadas. A Activity atual e ativa, está localizada na parte superior da pilha até que seja empurrada para baixo por uma nova, ou retirada da pilha quando o usuário navega para outra tela.


Veja mais em: Android Developer

Android: Activity - Métodos Importantes

Vamos ver alguns métodos que são importantes na criação, configuração e utilização de uma Activity.



setContentView
Esse método é responsável por configurar o layout XML. Esse método normalmente é chamado no método onCreate para a criação da interface.

findViewById
Esse método é utilziado para buscar e recuperar as Views dentro do layout que foi atributo as Activities no onCreate.

TextView view = (TextView) findViewById(R.id.texto1);

startActivity
O método startActivity é usado para iniciar uma nova Activity, que será colocada na parte superior da pilha. Ele recebe um único argumento, uma Intent, que diz qual Activity vai ser executada.

finish
O método finish serve para fechar e destruir a Activity ativa.

getIntent
Esse método retorna a Intent que foi criada para chamar a Activity. Isso é muito útil quando estamos passando dados entre as Activities.

Veja mais sobre Activities


Veja mais em: Android Developer

Android: Activity

O que é uma Activity
Activities são componentes que representam a interface do seu aplicativo.

Um aplicativo pode conter diversas Activities, por exemplo, Activity da introdução ou load do programa, Activity que será a sessão inicial do programa, Activity que tem as informações sobre o APP e assim por diante.



Como criar?
Para criarmos uma Activity é necessário estendermos a classe Activity, com isso nossa classe herda todas as caracteristicas da Activitie.
public class MainActivity extends AppCompatActivity { @Override protected void onCreate(Bundle savedInstanceState) { super.onCreate(savedInstanceState); setContentView(R.layout.activity_main); } }
Quando refazemos o método onCreate, nós chamamos o método da classe mãe super.onCreate(savedInstanceState), para que a base de seja criada.
  • onCreate - Tem um parametro do tipo Bundle que armazena o estado da Activity quando ela é reiniciada.
  • setContentView(R.layout.activity_main), Responsável por configurar o layout XML da Activity e definir a interface do usuário.
Obs: Todas as Activtieis devem ser registradas no AndroidManifest

Como chamar?
Algo que utilizamos muito é o método new Intent() que serve para chamar uma outra Activity.

Intent intent = new Intent(this, NovaActivity.class);
startActivity(intent);

Nesse exemplo, estamos passando dois parâmetros, o primeiro é a Activity atual e o segundo é a Activity de destino, que queremos abrir.

O ciclo de vida



A Activity tem vários estados internos que são os métodos da classe, elas são criadas, iniciadas, pausadas, reiniciadas e destruidas. Os eventos que se passam em uma Activity são conhecidos como ciclo de vida, e incluem esses estados.
  • OnCreate - É usado para configurar a interface de usuário, usando setContentView, e para iniciar outras partes estáticas da Activity.
  • OnStart - É executado depois de a Activity ter sido enviada para o segundo plano.
  • OnResumeÉ acionado quando a Activity se inicia e quando é reiniciada.
  • OnPauseÉ acionado, quando a Activity deixa o primeiro plano. Isso pode significar que uma janela de diálogo está sendo mostrada na tela, ou pode significar que este é o primeiro passo para que a Activity seja parada.
  • OnStopÉ chamado quando a Activity não está mais visível para o usuário.
  • OnDestroy - É chamado quando a Activity vai ser destruída. É a última chamada que a Activity receberá antes de ser finalizada.



Esperam que tenham gostado e até a próxima.



Veja mais em Android Developer

Minha Empresa nas Redes Sociais

São tantas as redes sociais que ficamos perdidos no momento de saber em qual devo ter minha empresa, o que fazer neste momento de decisão? Colocar em todas? Mas a cada dia esta surgindo uma rede nova, ai fica complicado

Vamos pensar em algumas coisas aqui para tentar nortear nossas escolhas, vale apena ler o conteúdo a seguir...




Você tem conteúdo para publicar?

Sim, Não, Talvez... Responda essa pergunta mas com seriedade, se sua resposta é sim, quanto conteúdo tem? seu conteúdo é texto, foto ou vídeo? Você vai postar seu conteúdo acada quantos dias?

Vamos para a próxima pergunta.

Porque quero ter minha empresa em uma rede social?
Todo mundo esta, é por isso que quero estar lá. Se esta é a sua resposta então vamos repensar, o foco principal é a minha próxima questão.

Seu cliente esta nas redes sociais, em qual?
Seu cliente está na rede social que você planeja se focar? Agora veja se seu produto se encaixa neste perfil de público, se será um bom negócio ter a sua marca por lá.


Como você vai alcançar seu público?
Conteúdo relevante(Pergunta 1). Utilize também hashtags para divulgar sua marca e agrupar conteúdos semelhantes. Seu público é jovem? Que tal apostar naquelas montagens divertidas? Tudo depende do perfil de quem você quer atingir.

Após todas estas perguntas... Vale apenas entrar nesta?
Faça uma métrica dos resultados com o passar do tempo. Não se engane al ter milhares de fãs no Facebook, eles converteram em algo? Eles se tornam clientes? Mais importante do que os números em redes sociais são os dígitos do seu faturamento. Afinal, todo esse esforço uma hora precisa virar recompensa para o seu negócio, não é mesmo?

Espero que tenham gostado e que esta postagem te ajude a nortear sua empresa no mundo digital, comentem, compartilhem, se precisar de um suporte nas mídias sociais a Webdre Design está a sua disposição.